Clicks99
pt.news

Cardeal anti-Igreja Marx luta contra o crucifixo

O cardeal anticlerical de Munique, Reinhard Marx, ao falar com o diário oligárquico Süddeutsche, condenou novamente a decisão do primeiro-ministro Markus Söder, de Baviera - Alemanha, de pendurar crucifixos em todos os edifícios públicos.

De acordo com Marx, essa decisão causou "divisão, inquietação, conflito" - como se a cruz tivesse causado algo além disso.

Ele insinuou que a cruz era "somente" usada como um símbolo cultural e, por isso, foi "despojada em nome do Estado".

O secretário-geral do CSU, partido majoritário de Baviera, afirmou que os críticos da decisão são uma "aliança profana de inimigos da religião e daqueles que negam a si próprios.

Fotografia: Reinhard Marx, © Maik Meid, CC BY-SA, #newsXtgjuvovzq