Clicks123
pt.news

Superior Geral Jesuíta: Diabo "não é uma pessoa", "apenas simbólico"

O diabo "não é uma pessoa", mas "uma maneira de implementar o mal", afirmou o Superior Geral dos Jesuítas, padre Arturo Sosa, de 70 anos, diante de Tempi.it em 21 de agosto.

Sosa insistiu no truísmo de que o diabo "não é uma pessoa no sentido humano do termo", e apareceu com a explicação de que Satanás é "uma maneira como o mal está presente na vida humana".

A conclusão de Sosa: "O diabo existe como realidade simbólica, não como realidade pessoal". Já em 2017, Sosa tentou vender a mesma heresia.

De acordo com o ensinamento da Igreja, todos os demônios são "criaturas pessoais e imortais" que têm inteligência e vontade como os humanos (Catecismo da Igreja Católica, N. 330).

Fotografia: Arturo Sosa, #newsRkcldxffmt