Clicks73
pt.news

Vaticano frequentemente faz negócios podres - Cardeal Müller

O cardeal Gerhard Müller criticou que a Congregação para a Educação Católica tenha aceitado o padre Ansgar Wucherpfennig, um propagandista homossexual, como reitor do Colégio dos Jesuítas de St. Georgen, em Frankfurt (Alemanha).

Ao falar com DomRadio.de (25 de outubro), Müller o definiu como um “negócio podre”.

Ele ressaltou que, nos últimos tempos, o Vaticano faz tais compromissos com frequência, que causam grandes danos à Igreja. Ele citou como exemplo a Comunhão para os protestantes.

Fotografia: Gerhard Ludwig Müller, © Mazur/catholicnews.org.uk, CC BY-NC-SA, #newsEwgwjqqcwz