Idioma
Cliques
90
pt.news

Decepcionante exclusiva de Associated Press ataca Francisco

Uma exclusiva da Associated Press (5 de fevereiro) afirmou que o Papa Francisco recebeu, em 2015, uma carta de oito páginas de Juan Carlos Cruz, que atualmente vive na Filadélfia, uma suposta vítima do padre chileno Fernando Karadima. A carta detalhava como Karadima abusou sexualmente de Cruz, e como outros clérigos chilenos, dentre eles o bispo Juan Barros de Osorno - Chile, teriam ignorado isso.

Os abusos homossexuais de Karadima não estão em discussão. Em discussão está a afirmação de que o bispo Barros, que na época pertencia ao círculo de Karadima, sabia dos abusos.

No passado, Francisco defendeu vigorosomente Barros, chamando as acusações contra ele de “calúnias”. A exclusiva da Associated Press não oferece fatos novos sobre Barros, mas está mais interessada em fomentar emoções aleatórias contra Francisco.

Fotografia: © Marko Vombergar, Aleteia CC BY-SA, #newsDvpqyzifml