pt.news
157

Bispo da Nicarágua em prisão domiciliar

A polícia da Nicarágua iniciou uma investigação criminal em 5 de agosto contra o bispo de Matagalpa Rolando Álvarez, que se opõe ao governo.

As acusações são vagas. Álvarez é acusado de tentar incitar os fiéis à violência, de “atos de ódio contra a população” e de perturbar a paz e a harmonia.

Ele foi confinado em sua residência na quinta-feira. A polícia o impediu de sair de casa para presidir a Eucaristia. Fiéis se reuniram ao redor de sua casa.

O bispo saiu para confrontar a polícia e abençoar o povo (vídeo abaixo). Ele estava andando, cantando e orando com eles.

A certa altura, ele se ajoelhou na calçada, com as mãos para cima, ao lado de policiais que não intervieram, produzindo fotos que deram a volta ao mundo.

Em 6 de agosto, Álvarez celebrou uma eucaristia em casa transmitida em streaming. A investigação contra ele também diz respeito a seis sacerdotes e leigos.

O núncio nicaraguense Sommertag foi expulso do país em março, depois que as forças de segurança interceptaram seu apoio a uma conspiração para derrubar o governo.

#newsDxgxswapkn




02:04