Clicks85
pt.news

Quando o Asno Vê Mais do que o Profeta

O professor Joseph Seifert, filósofo demitido pelo arcebispo de Granada - Espanha por ter criticado Amoris Laetitia de forma científica, reiterou sua súplica a Papa Francisco para que responda à pergunta se ele nega ou não a existência de atos que são intrinsecamente errados.

Escrevendo em First Things (5 de outubro), Seifert explica: "Eu faço isso porque professo uma fé cujas Sagradas Escrituras nos ensinam que, por vezes, o asno pode ver algo que o profeta não consegue ver. Se o profeta, em tal caso, bate no asno, que lhe foi enviado por Deus, ele receberá a severa reprimenda que Deus deu ao profeta através do seu anjo."

#newsWtxrdnvsbw