Clicks105
pt.news

Roma decidiu - mas os bispos alemães querem discutir

A declaração da Congregação para a Doutrina da Fé contra "bênçãos" homossexuais "certamente" encontrará seu caminho nas discussões do Caminho Sinodal alemão, escreveu o bispo condescendente Georg Bätzing, presidente dos bispos alemães, em um comunicado de imprensa.

Bätzing minimizou o documento como mero "ponto de vista", embora decrete a impossibilidade de "bênçãos" homossexuais.

Ao mesmo tempo, Bätzing ataca o documento de frente ao escrever que "não há respostas simples" para "perguntas" desse tipo. Se a Congregação tivesse aprovado tais "bênçãos", Bätzing não teria se preocupado com "respostas simples".

Para Bätzing, a decisão romana meramente "reflete o estado do ensino da Igreja conforme refletido em vários documentos romanos".

Mas: Na Alemanha e em outras partes da Igreja, há muito tempo se discute como esse "desenvolvimento doutrinário" pode ser promovido com "argumentos viáveis", escreve Bätzing.

Bätzing está vivendo com a cabeça na lua. O homossexualismo já foi introduzido em várias denominações ao redor do mundo, que, como consequência, agora estão em processo de dissolução. Na "Alemanha" de Bätzing, onde a igreja está em queda livre, não será diferente.

Fotografia: Georg Bätzing © Press picture, #newsYsrprsgkwf