pt.news
195

Pell cai no jogo duplo de Hollerich e Marx

Quase dois terços dos bispos alemães rejeitam princípios cristãos básicos sobre sexualidade porque acreditam que o cristianismo não está mais em conformidade com o que eles chamam de "conhecimento científico moderno" [= propaganda da mídia oligarca], conforme escreve o cardeal George Pell (FirstThings.com, 22 de setembro).

Ele lamenta que a Congregação para a Doutrina da Fé não tenha comentado sobre os bispos alemães ou belgas que querem "abençoar" as uniões homossexuais. As forças que querem destruir o casamento e acobertar os atos homossexuais "estão trabalhando para espalhar seu veneno", escreve Pell.

Na sua opinião, a [indecisa] Congregação deve agir de forma decisiva para corrigir o erro e evitar uma maior deterioração.

Pell explica que a Palavra de Deus está em disputa – não apenas o Catecismo ou o Cânon – e enfatiza que “não sabemos mais que Deus”.

Embora Pell devesse saber melhor, ele ingenuamente cita o fato de que tanto o Cardeal Hollerich (Luxemburgo) quanto o Cardeal Marx (Munique) alegaram [hipocriticamente] que não querem mudar a doutrina [enquanto trabalham abertamente para o oposto].

Fotografia: George Pell © Mazur, CC BY-NC-SA, #newsWifjyzcffy