Clicks227
pt.news

Homo-loucura: Bispos e padres se superam na propaganda gay

A Universidade Jesuíta Fordham, em Nova York, produziu um vídeo em 18 de junho como compensação pela conferência Outreach 2020 pró-gay, que foi cancelada.

Ele contém breves declarações dos oradores originalmente programados que estão se superando na propaganda gay.

O primeiro é o inevitável James Martin, que anuncia que Outreach 2020 tem o apoio do cardeal de Nova York, Timothy Dolan.

O arcebispo de Santa Fe, John Wester, lamenta que "muitos dos nossos colegas católicos" experimentem isolamento e depressão quase diariamente por causa da sua "orientação sexual" ou "identidade de gênero" e que ministros "católicos" pró-gay estão seguindo os passos de Cristo.

O bispo de Lexington John Stowe elogia uma suposta "jornada de fé" dos homossexuais: "Admiro sua perseverança em permanecer fiel à sua identidade católica e ser fiel a quem você é".

O provincial jesuíta dos EUA, John Cecero, invoca um suposto "ódio que existe em todas as formas de homofobia na nossa Igreja". Para ele, os homossexuais são "um farol de esperança".

O sacerdote obeso de Minneapolis, Greg Greiten, e o padre Bryan Massingale, da Universidade de Fordham, dizem ao mundo que são homossexuais.

#newsTpilfpggbc