Falso comediante diz às crianças na presença de Francisco que "só há céu"

Roberto Benigni, um comediante italiano, mentiu sobre a eternidade na presença do Papa Francisco no primeiro Dia Mundial da Criança no Vaticano, a 26 de maio.

"Não posso mentir diante de Sua Santidade", fingiu Benigni, "não me obriguem a mentir diante do Papa, porque mais tarde, quando eu morrer, estarei ali com São Pedro e ele dir-me-á: 'Oh, Benigni, mentiste diante do Papa. Oh, agora tenho de o mandar para o inferno ou para o purgatório: 50 anos! Mamma mia! Que choque!'"

"Mas penso sempre que, quando morrer, vou estar às portas do céu com São Pedro à espera para me julgar e espero sempre que ele me dê uma escapatória e me deixe ir: Benigni, não me faça pensar de novo - vá! Espero sempre que sim".

"Mas vocês todos, não tenham medo, porque não há inferno, nem purgatório. Só existe o céu, onde vocês estão agora, o reino da infância, da juventude, cheio de sonhos".

Tradução de IA