Clicks104
pt.news

Vaticano celebra a suspensão de alguns subalternos como vitória sobre corrupção

A assessoria de imprensa do Vaticano usou a suspensão e a humilhação pública de cinco funcionários do Vaticano para afirmar que o sistema funciona.

Mas o site AldoMariaValli.it (7 de outubro), ressaltou que os funcionários suspensos haviam apenas executado ordens, e que "as responsabilidades devem ser buscada lá em cima". Naquela época, o cardeal Becciu estava no topo nesta seção da Secretaria de Estado.

A página web afirma que a situação nas finanças do Vaticano está "fora de controle" e recorda a investigação dos cardeais Herranz, de 89 anos, Tomko, de 95, e De Giorgi, de 89, ordenados por Bento XVI em 2012, cujos resultados foram encobertos por Francisco.

Fotografia: © Mazur, CC BY-NC-SA, #newsOraggpcmqx