Clicks133
pt.news

Vaticano repreende bispo dos EUA por “ficar sozinho com menores”

A Congregação para a Doutrina da Fé emitiu uma repreensão canônica ao ex-bispo de Cheyenne, Joseph Hart, de 89 anos, “por sua flagrante falta de prudência como padre e bispo por ficar sozinho com menores em sua residência privada e em várias viagens”, conforme relata CioceseOfCheyenne.org (25 de janeiro). Hart renunciou em 2001.

Originalmente, Hart havia sido acusado de abuso homossexual contra menores de 16 anos e de solicitações no momento da Confissão, alegações que um advogado da diocese chamou de "verossímeis" em 2018.

Funcionários diocesanos com "experiência profissional", incluindo o vigário geral, revisaram seis (!) das acusações e consideraram Hart culpado "com certeza moral", antes que o Vaticano iniciasse o processo.

O decreto final do Vaticano exonerou Hart de sete acusações, enquanto cinco outras acusações não puderam ser provadas com certeza moral. Duas alegações não foram consideradas de natureza criminosa porque os parceiros homens tinham 16 e 17 anos e, portanto, não eram menores.

Um caso de menor de 16 anos, denunciado à Congregação e considerado digno de crédito pela diocese, nem sequer foi mencionado no decreto. A diocese de Cheyenne é dirigida pelo bispo pró-homossexual Biegler.

#newsKkbdhxjymy