Clicks95
pt.news

Cardeal das Dubia propõe ter menos eleitores, mas candidatos melhores para o conclave

Em 26 de outubro, o cardeal Walter Brandmüller, de 92 anos, propôs, no site de Sandro Magister, uma reforma do conclave: um número reduzido de cardeais, mas melhor qualidade dos candidatos elegíveis.

Ele observa que Francisco fez trinta cardeais oriundos da Ásia e da Oceania, enquanto grandes arquidioceses europeias como Milão, Turim, Veneza, Nápoles, Palermo, Paris (e toda a França) não têm cardeais.

Isso implica, de acordo com Brandmüller, que no próximo conclave, cardeais de todo o mundo que sabem pouco ou nada sobre os outros irão votar e, portanto, “falta um pré-requisito essencial para o voto responsável”.

Assim, Brandmüller propõe que os participantes de um conclave sejam limitados a um Colégio Cardinalício muito reduzido e verdadeiramente Romano. Eles não devem necessariamente eleger outro cardeal, mas também podem eleger um não cardeal que tenha pelo menos cinco anos de experiência em uma posição de liderança na Cúria.

#newsQcttgfrurx