Clicks106
pt.news

Vaticano queria o "conservador" Bergoglio como comissário jesuíta

O secretário de Estado de Bento XVI, cardeal Tarcisio Bertone, pensou em 2006-2007 impor um comissário aos jesuítas decadentes.

Isso foi dito durante a apresentação da versão em espanhol do livro de Gianni La Bella "Os Jesuítas. Do Vaticano II ao Papa Francisco".

Um tolo Bertone tinha em mente nomear para a tarefa o cardeal de Buenos Aires, Bergoglio. Ele informou o general jesuíta Kolvenbach, que havia apresentado sua demissão. Kolvenbach - que não era amigo de Bergoglio - ficou "perplexo e desconcertado".

Ele pediu uma audiência com Bento XVI, informando que os jesuítas "não tolerariam" Bergoglio como comissário.

Bergoglio também sabia disso. Ele se recusou a aceitar a tarefa.

#newsSlpleupvuh