Clicks237
pt.news

Um convertido católico previu o coronavírus?

O conhecido autor estadunidense Dean Koontz, de 74 anos, escreveu em 1981 o thriller "The Eyes of Darkness" [Os Olhos da Escuridão] sobre uma mãe que quer saber se o seu filho realmente morreu.

O livro menciona uma arma química chamada "Gorki-400". Gorki (agora: Nizhny Novgorod) é uma cidade russa.

Em decorrência do fim da Guerra Fria, “Gorki-400” foi renomeada "Wuhan-400" para as edições de 2008 em diante, referindo-se ao Instituto de Virologia de Wuhan.

Isso causou a especulação de que Koontz teria previsto a doença do coronavírus. Entretanto, o vírus de Koontz, diferentemente do coronavírus, mata todo mundo dentro de 24 horas, infectando o tronco cerebral.

Koontz se tornou católico enquanto estava na universidade, porque a fé encoraja uma "alegria do dom da vida". Ele diz que a espiritualidade sempre foi parte dos seus livros.

#newsVaggdsfehc