Clicks155
pt.news

Policial vestido como sacerdote mata sequestrador

Perseguido pela polícia, José Antonio Reyes Uyola entrou no dia 7 de agosto em uma casa em Cotui, na República Dominicana, onde fez de reféns um menino de um ano e sua mãe.

A polícia começou a negociar com o sequestrador, a quem acusaram de ter cometido um homicídio, o que ele negou veementemente.

Por fim, Reyes pediu um padre e um jornalista. Ambos se apresentaram. O jornalista era um repórter local. O "padre" era um policial disfarçado que entrou na casa e matou Reyes imediatamente, atirando em sua cabeça.

Compreensivelmente, os sacerdotes locais ficaram indignados com o curso de ação da polícia. Como nenhum deles se veste como padre, eles colocam uma túnica e roubam para falar com as câmeras de TV.

#newsWmgthvuctn