Clicks89
pt.news

Ortodoxo russo em breve excomungará Bartolomeu, amigo de Francisco

Kirill, o Patriarca de Moscou, chamou o reconhecimento do grupo Filaret da Ucrânia pelo Patriarca de Constantinopla Bartolomeu em 27 de setembro uma "invasão ilegal, anticanônica e sem sentido" na Ucrânia (Patriarchia.ru, 27 de setembro).

Kirill acrescentou que “Eu conheço o Patriarca Bartolomeu muito bem - provavelmente, ele foi guiado não por sua própria razão e não por sua própria vontade”. No entanto, Kirill rejeitou as alegações de que, devido à pressão externa, Bartolomeu não poderia agir de outra forma: “Como conseguimos agir de outra forma quando vivíamos em um estado ateu?”

“Entre os Patriarcas de Constantinopla, havia mártires e confessores”, enfatizou Kirill.

Ele expressou sua angústia por Bartolomeu “ter caído em cisma” ao tomar a Comunhão junto com “cismáticos” e “clérigos auto-ordenados que não têm consagração legal por hierarcas canônicos”.

Espera-se que o Concílio dos Bispos Ortodoxos Russos de novembro excomungue formalmente Bartolomeu.

Fotografia: Kirill I, Bartolomew I © wicicommons, CC BY-SA, #newsFyquauwyjb