pt.news
76

Padre preso: Robin Hood ou simples ladrão?

O proeminente padre de Omaha (Nebraska - EUA), Michael Gutgsell, de 73 anos, foi acusado pela terceira vez de roubo, informou a mídia.

Ele supostamente roubou mais de US$ 106.000 de sua antiga Igreja de São José em Springfield.

Após sua prisão em outubro, ele já admitiu ter roubado US$ 180.000 das contas bancárias do padre Theodore Richling (+2019), que sofria de Alzheimer e foi acusado de má conduta sexual “fundada”. Gutgsell recebeu uma procuração para cuidar dele.

Gutgsell disse que deu o dinheiro “a um sem-teto”. Uma auditoria de rotina descobriu o roubo.

Ordenado em 1974, Gutgsell lecionou em uma escola católica, estudou Direito Canônico, serviu em tempo integral no tribunal, tornou-se chanceler e moderador da Cúria de Omaha, pastor, defensor do vínculo e juiz no tribunal de casamento.

#newsBvngvkmthb