Clicks152
pt.news

Unidade com os oligarcas: Vaticano apunhala bispos dos EUA pelas costas

Como era de se esperar, o Vaticano, que está a serviço dos oligarcas, apunhalou pelas costas os bispos católicos dos EUA que defendem a negação da Sagrada Comunhão ao presidente Biden e a outros políticos "católicos" pró-morte.

O aborto é a "vaca sagrada" dos oligarcas e sua mídia. O cardeal Luis Ladaria, o obsequioso prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé, escreveu uma carta de 7 de maio, publicada pelo jornal CatholicNews.com dos bispos norte-americanos, na qual exortava os bispos a procederem "com cautela" em suas críticas a políticos "católicos" que apóiam o aborto, a eutanásia e outros males morais.

Ele afirmou que um bispo individual não pode "usurpar" sua autoridade em sua diocese para uma política que exigiria "quase unanimidade" - como se a Verdade se decidisse por isso.

De acordo com Ladaria, é “enganoso” apresentar o aborto e a eutanásia como as “únicas” questões graves da moral católica que “exigem o mais alto nível de responsabilidade por parte dos católicos” - mas ninguém o fez.

Ele advertiu que uma política nacional "apenas" seria útil "se isso ajudasse os bispos a manter a unidade". O Vaticano está interessado nessa "unidade" apenas quando lida com os oligarcas e seus poderosos meios de comunicação, dos quais o Vaticano tem medo.

A preocupação do Vaticano com a "unidade" desaparece repentinamente quando Francisco e outros modernistas lançam suas frequentes polêmicas, como no caso de Amoris Laetita e dos ataques contra o ex-presidente pró-vida dos EUA, Trump.

#newsNxgxmsuhxp