Clicks193
pt.news
1

Contra bispos desviados: cardeal e bispos lançam Dia Internacional de Reparação

O cardeal Zen de Hong Kong, o bispo auxiliar de Karaganda Schneider e o bispo auxiliar aposentado de Chur, Eleganti, publicaram, junto com 15 padres e dezenas de intelectuais, um apelo de 5 de maio criticando o atual Sínodo Alemão.

Eles chamam as ideias do sínodo de “flagrantemente contrárias” ao ensinamento católico, dizendo que seus erros incluem um ataque ao casamento e ao sacerdócio porque querem impor “uniões sodomitas” e “padres” casados e femininos.

Os signatários observam que o clero alemão, salvo algumas exceções, está se afastando da Igreja. O apelo refere-se a uma "bênção homossexual" a ocorrer em 10 de maio em toda a Alemanha, que é abertamente apoiada por 2.500 padres e agentes pastorais e mais ou menos abertamente pela maioria dos bispos. "O Caminho Sinodal Alemão tende diariamente a se tornar um passo em direção ao cisma declarado e à heresia".

O apelo pede a Francisco (!) que ponha fim a "essas derivas" do Sínodo Alemão e aplique "sanções canônicas" - embora na Igreja do Novus Ordo as sanções sejam usadas apenas contra os católicos, nunca contra os liberais heterodoxos:

Como medida imediata, o apelo proclama o dia 10 de maio como O Dia Internacional de Oração e Reparação contra as ofensas e sacrilégios cometidos pelos bispos alemães desviados.

Os católicos são chamados a recitar a Ladainha do Sagrado Coração. O sacerdote deve celebrar a Missa pro remissione peccatorum.

Fotografia: Zen, Schneider, Eleganti, © wikipedia, CC BY-SA, #newsQrxmqlrksy

Richard Garcia kenpachi shares this
193
rezemos.