Clicks290
Plaisch

vida espiritual: quem nos manda é Deus 16.2.2014

Sermão Domingo Septuagesima [14] 16 fevereiro 2014 Zurique
Leitura 1 Kor 9,24-27; 10,1-5
Evangelho Matth 20,1-16

santitade

A Igreja é a alma do mundo, ela é independente como a alma no corpo, e ao mesmo tempo é unida à sociedade cristã para fazê-la próspera. O óleo das virgens é a presença do verbo de Jesus na minha vida, devo comprá-lo na Igreja, devo ser continuamente em direção espiritual para levar minha vida em presença de Deus.

A olhar
Quem faria justo? nos últimos meses os que se acreditam bons católicos fazem guerras entre sim sobre o bom caminho que a Fraternitade são Pio X deve seguir. Quem é o pastor perfeito? aquele que confia na graça de Jesus, aquele que persegue o fim escolhido no momento do empenho.
São Paolo confronta os cristãos com atletas que correm por uma coroa, mas a dos cristãos é para todos aqueles que alcançam o céu e não é mais corrutível. Os cristãos devem correr na direção indicada, quer quanto ao fim, quer quanto à via certa.

B sacramentum
Neste sentido somos na segunda parte do capítulo 25, que Jesus entrega os talentos, que são os meios de trabalho, que são de Deus e devem ser restituidos. Na Igreja os meios de trabalho são os santos sacramentos, e o número respectivo são as exigências históricas: um trabalha na missão e faz muitos serviços e morre cedo e batiza poucas almas, outro fica arcebispo e ordena muitos sacerdotes e vive muito tempo e apresenta a Jesus um grande fruto – que não é seu. Outro é sacerdote por convenção familiar que pouco se interessa e apresentar-se na hora de morte qual era no dia da ordenação. Será condenado. Não importa a Deus que apresentemos para fora um grande resgate, mas que empenhemo-nos a colaborar para o fim comum: Jesus glorificado na Cadeira da santa Cruz. Alí devemos ir, quem coxo, quem valoroso. Uns levam uma longa vida e trabalham de madrugada à noite, outros falecem mal que são nacidos, mas batizados entram no Céu o mesmo como os Apóstolos que transcorreram a metade do mundo.

C comunhão
Há pouco valor criticar os Superiores no que fazem de realidade ou de presunção falso. Agradamos mais a Deus se tomamos a sua santa Graça e deixamos viver a todos e olhamos que nós mesmos conseguimos entrar e estar na Igreja católica com ótimo humor!
Amen.