Clicks115
pt.news
1

Bento XVI: “Não há dois Papas - o Papa é apenas um”

"Não há dois Papas. O Papa é apenas um", disse ao Corriere della Sera, durante uma reunião de 27 de fevereiro, um fraco Bento XVI que ainda é forte o suficiente para dar entrevistas à mídia oligarca, enquanto batia levemente a palma da mão no braço a fim de reforçar suas palavras.

Sua renúncia foi “uma decisão difícil”, disse ele, “tomei em toda a consciência e acho que fiz a coisa certa. Alguns dos meus amigos que são um pouco "fanáticos" ainda estão com raiva, eles não quiseram aceitar minha escolha. Penso nas teorias da conspiração que se seguiram: alguns disseram que foi por causa do escândalo Vatileaks, outros disseram que foi por causa de um complô do lobby gay, alguns disseram que foi por causa do caso do teólogo conservador lefebvriano Richard Williamson. Não querem acreditar em uma escolha consciente. Mas minha consciência está limpa”.

Sobre o novo primeiro-ministro italiano, Mario Draghi: "Espero que ele possa resolver a crise, ele é um homem que também é muito considerado na Alemanha".

Sobre Joe Biden: “é verdade, ele é católico e praticante” e “ele é pessoalmente contra o aborto (sic!)”.

Bento XVI também observa que “como presidente, tende a se apresentar em continuidade com a linha do Partido Democrata... E sobre política de gênero, ainda não entendemos bem qual é a posição dele (sic!)”.

Fotografia: © Mazur, CC BY-NC-SA, #newsYldanjpuev

Luiz Alberto Mezzomo
Diz Bento XVI sobre Joe Biden: “é verdade, ele é católico e praticante” e “ele é pessoalmente contra o aborto (sic!)”. É estranho Bento XVI emitir uma sentença que é totalmente contraria com a realidade.