Clicks94
pt.news

Neo-cardeal: acredite nas minhas afirmações ou vá para o inferno

O neo-cardeal de Rabat - Marrocos, Cristóbal López, disse a Abc.es (22 de setembro) que Francisco o fez cardeal pelo bem do "diálogo inter-religioso" e imigração em massa [não por razões sobrenaturais].

É "bastante chocante" para ele que Veneza, Milão e Paris não tenham um cardeal, mas Rabat sim. Ele conclui que o mais recente grupo de cardeais é "bastante missionário" [embora não exista evidência de atividade missionária na arquidiocese de Rabat].

López lidera uma amarga campanha em favor da imigração em massa - no que ele chama de - "Europa cristã". Lopéz, natural da Espanha, deixou a Europa em 1984.

Ele mente que a Europa se tornou uma "ilha inacessível", embora em 2017, mais de 800.000 pessoas tenham recebido um passaporte europeu e 2,4 milhões de imigrantes tenham entrado apenas na Europa [mais de 6.500 por dia]. Aqueles que não acreditam em suas mentiras, López ameaça com o inferno.

Ele condena o governo espanhol por trabalhar pelo bem da Espanha, chamando isto de "nacionalismo" e se lamentando que políticos espanhóis não fazem coisas "para o bem da humanidade", como se o bem da Espanha e o bem da humanidade fossem mutuamente exclusivos.

López deixa uma forte impressão de que ser ideólogo esquerdista tolo é o principal critério de Francisco para escolher cardeais.

A entrevista atraiu um único comentário por Juan IV: "Se continuarmos assim, até mesmo o Santo Padre em Roma viverá entre infiéis".

#newsZkweeigezj